Inpi concede registro de marcas coletivas para duas associações de produtores de vinhos do Sul do país

25 de julho de 2013

#Negócios


Rio de Janeiro - O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi), vinculado ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), concedeu hoje (23) o registro oficial de marcas coletivas para o Consórcio de Produtores de Espumantes de Garibaldi (Cpeg) e para a Associação Catarinense dos Produtores de Vinhos Finos de Altitude (Acavitis). 

A analista da Diretoria de Marcas do órgão, Patricia Barbosa, disse à Agência Brasil que esse tipo de registro só pode ser dado a entidades representativas de uma coletividade, como cooperativas e consórcios. "Quem usa essa marca não é só uma empresa. São todos os membros dessa associação que pede o registro aqui [no instituto] e que sigam as regras que a associação tenha depositado no Inpi". O produtor tem que ser associado à entidade que solicitou o registro e seguir o chamado regulamento de utilização, que contém as condições e proibições de uso das marcas. 

O Inpi disponibilizou no seu portal (www.inpi.gov.br) um modelo de formulário que serve de base para as associações colocarem no pedido de registro de marcas coletivas o que julgarem importante para a proteção de seus produtos ou serviços. "É a associação que especifica quais são as regras que ela quer que sejam cumpridas". 


O registro de marcas coletivas difere do registro de indicação geográfica, cujo objetivo também é a proteção dos produtos de uma região. Mas a indicação geográfica não obriga que o produtor esteja associado a uma entidade. "Ela é mais ampla", disse Patricia. 

Esse registro de marcas coletivas é, segundo a analista, uma forma de identificar a origem dos produtos ou dos serviços daquela cooperativa ou associação. "Aí, você pode utilizar, junto com a marca coletiva, que é de todos daquela associação, a sua marca individual". Esclareceu que a marca coletiva ajuda os produtores de pequeno porte a trabalharem em conjunto e conseguirem chegar "aonde, sozinhos, eles não conseguiriam". 

No caso de Garibaldi, a marca vai proteger os vinhos e outras bebidas alcoólicas. Já a Acavitis solicitou o registro para o serviço de assessoria, consultoria e informação sobre o vinho e suas características. "Mas nada impede que, no futuro, se eles tiverem interesse de proteger o vinho ou as uvas, eles podem pedir".

O Inpi já tem, até o momento 81 pedidos de registro de marcas coletivas concedidos. O número de pedidos com essa finalidade atinge em torno de 3,5 mil. Patricia Barbosa disse que muitas entidades pedem o registro mas não colocam o regulamento de utilização, que é obrigatório por lei. Em função disso, o número de indeferimentos é grande: mais de 50% dos pedidos. 

O grupo de trabalho constituído no ano passado pelo instituto objetiva não só tornar mais conhecido esse tipo de registro de marcas coletivas, mas também reduzir o índice de arquivamento. "A gente está trabalhando com as duas vertentes. Tanto para examinar, como para divulgar o que é o registro, para tentar diminuir essa taxa de erro". 

Em abril deste ano, o Inpi formalizou o registro da marca coletiva Amorango para a Associação dos Agricultores Familiares Produtores de Morango de Nova Friburgo (Amorango), município da região serrana fluminense. A associação conta com 16 produtores associados que produziram, no ano passado, 165 mil caixas da fruta. 


Fonte: Agência Brasil

Espalhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário




Explore os canais Ouni

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Carros

Cultura
Famosos
MAXX FM
Música
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade"

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni