Venda de imóveis novos em São Paulo registra alta de 45,8% de janeiro a agosto

2 de outubro de 2013

Economia



Venda de imóveis novos em São Paulo registra alta de 45,8% de janeiro a agosto
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-10-02/venda-de-imoveis-novos-em-sao-paulo-registra-alta-de-458-de-janeiro-agosto
Oct 2nd 2013, 14:37

Da Agência Brasil
São Paulo – As vendas de imóveis novos registraram alta de 45,8% em São Paulo de janeiro a agosto, ante o mesmo período de 2012. Segundo levantamento divulgado hoje (2) pelo Sindicato da Habitação (Secovi-SP), foram comercializadas no período 22.638 unidades contra 15.530 em igual período do ano passado. O destaque, de acordo com a entidade, são os imóveis de dois dormitórios, responsáveis por 44,4% das unidades vendidas (10.048).
Agosto deste ano registrou o terceiro maior volume de vendas (3.464) na comparação com o mesmo mês na série histórica da pesquisa, que teve sua metodologia modificada em janeiro de 2004. Em agosto de 2008 e de 2009, foram comercializadas 4.146 e 3.578 unidades, respectivamente.
No oitavo mês deste ano, foram vendidos 3.464 imóveis, o que representa um aumento de 86,2% ante agosto de 2012, e de 106,9% em relação a julho de 2013. Segundo o vice-presidente de Incorporação e Terrenos Urbanos do Secovi, Emilio Kallas, em "julho, por ser mês de férias, as empresas acabam lançando menos, e os compradores compram menos, por qualquer razão ou porque tem férias escolares, ou porque o pessoal entende que começa o segundo semestre mesmo a partir de agosto". "Então, essa comparação não é tão definitiva", avalia Kallas.
De acordo com o vice-presidente, entretanto, as vendas em 2013 surpreendem. "Isso é extraordinário, e mostra uma série de coisas. Uma delas é que a demanda por habitação em São Paulo é enorme. Temos que prover o mercado de em torno de 33 mil unidades por ano, e neste já vendemos mais de 22.600 unidades. Então, realmente, está surpreendendo" disse.
Sobre a medida que amplia o teto do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para R$ 750 mil em novos financiamentos em São Paulo, Kallas se mostra satisfeito, e acredita que será favorável aos compradores. "[O reajuste no teto do FGTS] já se fazia necessário há muito tempo, porque R$ 500 mil estão defasados em relação aos preços atuais dos imóveis. Isso vai influenciar na parte de compras, porque o comprador vai ter um mecanismo um pouco melhor, mas o preço dos imóveis, aqui em São Paulo, vai ser muito pouco influenciado por isso", avalia.
Emilio Kallas ainda se mostrou otimista em relação à perspectiva de vendas até dezembro. Se em 2012 cerca de 27 mil imóveis foram negociados, para este ano a expectativa do setor gira em torno de 31 mil unidades.
Edição: Juliana Andrade
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at http://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
http://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Espalhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário




Explore os canais Ouni

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Carros

Cultura
Famosos
MAXX FM
Música
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade"

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni