Campo de Franco pode superar o de Libra, diz diretora da ANP

13 de novembro de 2013

Economia



Campo de Franco pode superar o de Libra, diz diretora da ANP
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-13/campo-de-franco-pode-superar-de-libra-diz-diretora-da-anp
Nov 13th 2013, 20:42

Alana Gandra

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - A diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Magda Chambriard, estimou hoje (13), que a reserva de petróleo de Franco, situada na área do pré-sal da Bacia de Santos, pode ser igual ou mesmo superar a do Campo de Libra, cujo leilão, o primeiro do pré-sal pelo regime de partilha, foi realizado no último dia 21 de outubro.
"O [Campo de] Lula, o Franco, o Libra são coisas muito grandes", disse Magda. Segundo a diretora, as reservas do Campo de Franco podem chegar a volumes de petróleo estimados entre 8 bilhões e 12 bilhões de barris. Ela acredita que, nos próximos anos, há possibilidade de o país ter disponibilizados mais de 120 milhões de metros cúbicos de gás diários para o sistema interligado, incluindo os campos de Lula, Franco e Libra. Atualmente, estão disponíveis 65 milhões de metros cúbicos/dia.
O Campo de Franco integra o contrato de cessão onerosa de áreas do pré-sal, assinado em setembro de 2010 pelo governo federal com a Petrobras. Pelo direito de explorar e produzir petróleo e gás natural nessas sete áreas, sendo seis definitivas (Florim, Franco, Sul de Guará, Entorno de Iara, Sul de Tupi, Nordeste de Tupi) e uma contingente (Peroba), a Petrobras pagou à União R$ 74,8 bilhões.
Magda participou de seminário sobre a indústria petroquímica, promovido pelo governo fluminense, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedeis), na sede da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ).
Edição: Lana Cristina

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Dez empresas estão aptas para leilão para explorar gás em terra

Economia



Dez empresas estão aptas para leilão para explorar gás em terra
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-13/dez-empresas-estao-aptas-para-leilao-para-explorar-gas-em-terra
Nov 13th 2013, 17:36

Alana Gandra

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - Dez empresas, do total de 21 companhias habilitadas, entregaram à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) garantias para participar da 12ª Rodada de Licitação para a exploração de gás convencional e não convencional em terra, prevista para ocorrer nos dias 28 e 29 deste mês, no Rio de Janeiro.
A informação é da diretora-geral da ANP, Magda Chambriard, que participou de um seminário de petroquímica, promovido pelo governo fluminense, na sede da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ).
Do total de empresas que manifestaram interesse em participar do leilão, seis foram recusadas e uma desistiu. Magda Chambriard esclareceu, entretanto, que as empresas que não apresentaram garantias poderão participar do pregão, desde que associadas às demais. "Não significa que só as dez [que apresentaram garantias] vão participar. Isso quer dizer que as outras podem participar, em parceria, igual como foi em Libra".
Estarão em disputa, na 12ª Rodada de Licitação, 240 blocos exploratórios terrestres com potencial para gás natural, localizados em sete bacias sedimentares, nos estados do Amazonas, do Acre, do Tocantins, de Alagoas, de Sergipe, do Piauí, de Mato Grosso, de Goiás, da Bahia, do Maranhão, do Paraná e de São Paulo, sendo 110 blocos em áreas de novas fronteiras nas bacias do Acre, Parecis, São Francisco, Paraná e Parnaíba e 130 blocos nas bacias maduras do Recôncavo baiano e de Sergipe-Alagoas.
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Vendas no varejo crescem 0,5% em setembro

Economia



Vendas no varejo crescem 0,5% em setembro
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-13/vendas-no-varejo-crescem-05-em-setembro
Nov 13th 2013, 12:46

Cristiane Ribeiro

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro – As vendas no comércio varejista brasileiro cresceram 0,5% em setembro, na comparação com o mês anterior. Foi o sétimo mês consecutivo com resultado positivo, divulgou hoje (13) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Já a receita nominal do setor teve alta de 0,8% na mesma comparação, mantendo o ritmo de crescimento desde junho de 2012.
A Pesquisa Mensal de Comércio mostra que, em relação a agosto, sete das dez atividades pesquisadas registraram crescimento nas vendas e que a maior alta foi a do segmento de outros artigos de uso pessoal e doméstico (2,4%), composto pelas lojas de departamentos, óticas, joalheria, artigos esportivos e brinquedos. Depois, vieram artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (1,3%), livros, jornais, revistas e papelaria (0,9%): material de construção (0,8%), combustíveis e lubrificantes (0,8%), hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (0,6%), e tecidos, vestuário e calçados (0,0%).
Os resultados negativos ocorreram nas atividades de móveis e eletrodomésticos (-0,2%), equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (-0,7%), e em veículos, motos, partes e peças (-5,1%).
Em relação a setembro de 2012, as vendas no comércio varejista nacional cresceram 4,1%, com oito das 14 atividades pesquisadas apresentando resultados positivos. O segmento de outros artigos de uso pessoal e doméstico foi também o que registrou a maior alta, de 14,8%, nesta comparação. Para o IBGE, "o crescimento da massa de rendimentos e as facilidades de crédito explicam este comportamento".


Edição: Lana Cristina
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Índice de Clima Econômico do Brasil volta a melhorar

Economia



Índice de Clima Econômico do Brasil volta a melhorar
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-13/indice-de-clima-economico-do-brasil-volta-melhorar
Nov 13th 2013, 10:09

Vitor Abdala

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro – O Índice de Clima Econômico (ICE) do Brasil voltou a subir em outubro depois de registrar uma queda em julho. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o índice, calculado com base em análises de especialistas do país, passou de 3,8 pontos em julho para 4,8 pontos em outubro deste ano.
O subíndice de Expectativas, que analisa a situação econômica do país nos próximos seis meses, apresentou o maior avanço, ao passar de 4,2 para 5,3 pontos no período. O subíndice da Situação Atual, que avalia o momento presente da economia, também subiu: de 3,3 para 4,2 pontos.
Segundo a pesquisa, a economia brasileira está na fase de "recuperação", uma vez que o subíndice de Expectativas é superior a 5 pontos e o subíndice da Situação Atual está abaixo de cinco pontos. De acordo com os critérios da FGV, as outras fases são: expansão (quando os dois subíndices estão acima de 5 pontos), recessão (quando ambos estão abaixo de 5 pontos) e piora (quando o subíndice de Expectativas está abaixo de 5 pontos e o subíndice da Situação Atual supera 5 pontos).
A nota brasileira está acima da média da América Latina, que ficou em 4,4 pontos em outubro, mas abaixo da obtida por seis dos dez países analisados: Paraguai (6,4 pontos), Peru (6), Colômbia (5,7), Bolívia (5,4), Chile (5,2) e Equador (5).
A média mundial do ICE (5,5) ficou acima da brasileira. Entre o Brics - Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul -, a nota brasileira só perdeu para a chinesa (5,6 pontos), ficando acima da Índia (4,5), Rússia (3,9) e África do Sul (3,8).
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Petrobras vende subsidiária no Peru para estatal chinesa

Economia



Petrobras vende subsidiária no Peru para estatal chinesa
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-13/petrobras-vende-subsidiaria-no-peru-para-estatal-chinesa
Nov 13th 2013, 09:49

Vitor Abdala

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro – A Petrobras assinou hoje (13) a venda da Petrobras Energia Peru para a estatal chinesa China National Petroleum Corporation (CNPC) por US$ 2,6 bilhões - cerca de R$ 6 bilhões. A negociação foi aprovada pelo Conselho de Administração e faz parte do Programa de Desinvestimentos da Petrobras, previsto no Plano de Negócios e Gestão 2013-2017.
A Petrobras Energia Peru tem 100% de um campo maduro chamado Lote X, que produziu 16 mil barris de óleo por dia em 2012; 100% do Lote 58, que ainda está sendo explorado; e 46,16% do Lote 57, campo onde recentemente foram feitas descobertas relevantes de gás natural e condensado.
Segundo a Petrobras, a conclusão da transação "está sujeita a determinadas condições precedentes usuais, incluindo a aprovação dos governos chinês e peruano, bem como à observância dos procedimentos previstos nos respectivos Joint Operating Agreement (JOA), quando aplicável", diz a nota. A CNPC é parceira da Petrobras no consórcio que venceu o leilão do pré-sal de Libra, no final de outubro deste ano.
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil




You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92



Explore os canais Ouni

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Carros

Cultura
Famosos
MAXX FM
Música
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade"

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni