Petrobras anuncia descoberta de poço na camada pré-sal da Bacia de Santos

19 de novembro de 2013

Economia



Petrobras anuncia descoberta de poço na camada pré-sal da Bacia de Santos
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/petrobras-anuncia-descoberta-de-poco-na-camada-pre-sal-da-bacia-de-santos
Nov 19th 2013, 21:33

Douglas Corrêa

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - A Petrobras concluiu a perfuração de mais um poço na área de Franco, umas das previstas no contrato de cessão onerosa, na região do pré-sal da Bacia de Santos. A estatal informou, em nota, que foi comprovada a descoberta de petróleo de boa qualidade, situado abaixo da camada de sal, a partir da profundidade de 5.398 metros.
Informalmente conhecido como Franco Leste, o poço está situado em profundidade de água de 2.011 metros, a cerca de 200 quilômetros (km) da cidade do Rio de Janeiro e a 7,5 km a Sudeste do poço de Franco.
Por meio do contrato de cessão onerosa, a Petrobras adquiriu o direito de produzir até 3.058 bilhões de barris de óleo equivalente recuperável em Franco, sendo que a fase exploratória prossegue e tem seu término previsto para até setembro de 2014.





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Demanda de empresas por crédito cresce 5% em outubro, aponta Serasa

Economia



Demanda de empresas por crédito cresce 5% em outubro, aponta Serasa
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/demanda-de-empresas-por-credito-cresce-5-em-outubro-aponta-serasa
Nov 19th 2013, 16:41

Daniel Mello

Repórter da Agência Brasil
São Paulo – A demanda das empresas por crédito cresceu 5% em outubro em comparação com setembro, segundo o indicador Serasa Experian divulgado hoje (19). Em relação a outubro de 2012, a busca por crédito registrou alta de 14,2%. Já no acumulado de janeiro a outubro, foi verificada uma queda de 1,4% na comparação com o mesmo período do ano passado. Segundo a Serasa, nesta época do ano, as empresas costumam ter uma demanda maior por capital de giro, o que impulsiona a procura por empréstimos. "Visando à produção e à composição de estoques para fazer frente às vendas de final de ano".
A demanda por crédito em outubro foi mais forte entre as micro e pequenas empresas, crescimento de 5,3% em relação ao mês anterior. Nas médias e grandes empresas, a expansão ficou de 1,3% e 1,2%, respectivamente. No acumulado do ano, no entanto, as grandes empresas tiveram o maior aumento, 18,5% de janeiro a outubro, em relação ao mesmo período de 2012. Os micro e pequenos empreendimentos tiveram queda de 2% na procura por crédito nos dez primeiros meses do ano.
O setor de serviços teve o maior crescimento na procura por crédito em outubro (6,5%). O setor foi ainda o único que aumentou o número de empréstimos no acumulado de janeiro a outubro, com alta de 2,3%. A indústria e o comércio tiveram queda de 2,3% e 4,1%, respectivamente, na demanda por crédito nos dez primeiros meses.
Edição: Lana Cristina
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Prévia da inflação em novembro registra alta de 0,57%

Economia



Prévia da inflação em novembro registra alta de 0,57%
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/previa-da-inflacao-em-novembro-registra-alta-de-057
Nov 19th 2013, 14:48

Cristiane Ribeiro

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro – O Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), que funciona como prévia da inflação oficial, medida pelo IPCA, registrou, em novembro, alta de 0,57%, ante a taxa de 0,48% de outubro. Com este resultado, o índice acumula no ano alta de 5,06%, bem próxima à de 5,05%, registrada no mesmo período de 2012.
Os dados divulgados hoje (19) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostram que dos nove grupos de produtos e serviços que compõem o IPCA-15, sete apresentaram, em novembro, taxas maiores do que as registradas em outubro. A maior alta, de 0,96%, ficou com os artigos de vestuário.
No entanto, o grupo alimentação e bebidas, com variação de 0,84%, foi o que respondeu por um terço do índice de novembro. Os destaques foram os itens carnes, com alta de 2,34%; refeição consumida em restaurante, 0,83%; tomate, 23,36%; macarrão, 2,15%; frango em pedaços, 1,69%; e pão francês, 1,09%.
O grupo despesas pessoais, com variação de 0,68%, também pressionou na composição do IPCA-15 de novembro, por causa dos itens empregado doméstico, com alta de 0,97%; excursão, 2,40%; e cigarro, 1,15%.
No grupo dos transportes (0,39%), as maiores altas foram das passagens aéreas (6,56%). No grupo comunicação (0,28%), a pressão veio dos serviços de telefonia celular (0,88%). No grupo educação, a alta em novembro foi de 0,09%; habitação, 0,5%; e artigos de residência (0,55%). Entre os índices regionais, as maiores taxas foram registradas no Rio de Janeiro (0,76%) e Fortaleza (0,75%).
Os preços para o cálculo do IPCA-15 foram coletados no período de 12 de outubro a 11 de novembro e comparados com os vigentes de 13 de setembro a 11 de outubro. O indicador segue a mesma metodologia do IPCA, ou seja, refere-se a famílias com rendimento mensal de um a 40 salários mínimos e abrange as regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e Goiânia.
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Inflação sobe em cinco capitais na segunda semana de novembro

Economia



Inflação sobe em cinco capitais na segunda semana de novembro
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/inflacao-sobe-em-cinco-capitais-na-segunda-semana-de-novembro
Nov 19th 2013, 13:30

Cristiane Ribeiro

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) subiu em cinco das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas (FGV), na segunda semana de novembro, conforme divulgou hoje (19) a instituição. Na média das capitais pesquisadas, o IPC-S da segunda prévia de novembro variou 0,64%, apenas 0,01 ponto percentual acima da taxa registrada na primeira semana do mês, de 0,63%.
Recife registrou a maior taxa de inflação, de 0,85%, puxada pela alta nos preços do item vestuário (de -0,02% para 0,95%). Na semana anterior, a capital também ficou com a maior variação, de 0,58%, influenciada pelo aumento nos preços dos alimentos.
Ainda nesta segunda semana de novembro, aparecem com alta na inflação as capitais Porto Alegre (de 0,79% para 0,84%); Brasília (de 0,64% para 0,66%); São Paulo (de 0,70% para 0,72%) e Rio de Janeiro (de 0,44% para 0,45%).
Na segunda prévia do mês, o IPC-S recuou em Salvador (de 0,71% para 0,57%), devido a desaceleração de preços nos itens vestuário e transportes (de 0,89% para 0,41% e de -0,72% para -1,02%, respectivamente) e em Belo Horizonte (de 0,38% para 0,34%), onde os itens alimentação e vestuário tiveram reajustes com menos intensidade (de 0,50% para 0,23%, e de 0,20% para -0,05%, respectivamente).
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil







You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Lucratividade das empresas aumenta a arrecadação das receitas federais

Economia



Lucratividade das empresas aumenta a arrecadação das receitas federais
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/lucratividade-das-empresas-aumenta-arrecadacao-das-receitas-federais
Nov 19th 2013, 13:36

Da Agência Brasil
Brasília – A arrecadação das receitas federais, administradas pela Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) e as receitas de outros órgãos obtidas por guias de recolhimentos, chegou ao valor de R$ 100,9 milhões em outubro deste ano. Nos dez meses de 2013, o valor é de R$ 907,44 milhões, informou, hoje, o secretário adjunto da Receita Federal, Luiz Fernando Teixeira Nunes.
A arrecadação de outubro foi maior quando comparada ao mesmo mês de 2012 que somou R$ 90,51 milhões. O secretário disse que a expectativa é que o aumento de arrecadação se mantenha nos próximos meses.
O desempenho da arrecadação das receitas administradas pela RFB no período de janeiro a outubro de 2013, quando comparado ao mesmo período de 2012, teve uma variação real acumulada, já atualizado pelo Índice de Preço ao Consumidor Ampliado (IPCA), de +1,61%. Segundo Luiz Fernando, o aumento da lucratividade das empresas que resultou na maior arrecadação das contribuições sociais, foi o principal fator do resultado da arrecadação em outubro.
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil




You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Portal criado pelo governo atenderá a 8 milhões de pequenos e micro empresários

Economia



Portal criado pelo governo atenderá a 8 milhões de pequenos e micro empresários
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/portal-criado-pelo-governo-atendera-8-milhoes-de-pequenos-e-micro-empresarios
Nov 19th 2013, 13:13

Da Agência Brasil
São Paulo – A presidenta Dilma Rousseff participou hoje (19) da abertura do 14º Congresso da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), em Campinas, para a comemoração dos 50 anos da entidade. Dilma participou da cerimônia de criação do Portal Empresa Simples, que vai acelerar os processos de abertura, licenciamento e fechamento de micros e pequenas empresas, diminuindo a burocracia.
O portal foi criado por uma parceria da Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) do governo federal. A expectativa é que o portal atenda pelo menos a 8 milhões de micro e pequenos empresários e também microempresários individuais.
Dilma Rousseff ressaltou a necessidade de criação de mecanismos que fortaleçam os empreendimentos no país. "O Brasil precisa de empreendedores fortes. Pequeno grande negócio, pequeno forte negócio", disse a presidenta. Ela avaliou a nova realidade brasileira positivamente, e acredita na possibilidade de se criar um grande mercado para o consumo em massa.
Qualquer empresa, independentemente do porte, conseguirá iniciar suas atividades em até cinco dias utilizando o portal. Pela ferramenta, o empresariado poderá receber da prefeitura permissão para exercer suas atividades no endereço indicado, além de poder obter o registro na Junta Comercial e de se inscrever no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ).
Segundo o ministro da SMEP, Guilherme Afif Domingos, o portal, com orçamento inicial de R$ 30 milhões, deverá funcionar plenamente em até um ano, ainda na gestão de Dilma. O Empresa Simples ainda contará com um "ponto de encontro" eletrônico para aproximar compradores e fornecedores.
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Segunda prévia de novembro mostra diminuição no índice que corrige aluguéis

Economia



Segunda prévia de novembro mostra diminuição no índice que corrige aluguéis
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-19/segunda-previa-de-novembro-mostra-diminuicao-no-indice-que-corrige-alugueis
Nov 19th 2013, 12:56

Cristiane Ribeiro

Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro – O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado como referência para o reajuste de contratos de aluguel, registrou variação de 0,3% na segunda prévia de novembro. A taxa ficou bem abaixo da registrada no mesmo período de coleta em outubro, de 0,91%, conforme divulgou hoje (19) a Fundação Getulio Vargas. No ano, o índice acumula alta de 4,89% e nos últimos 12 meses, de 5,61%.
O comunicado da instituição mostra que a maior contribuição para o resultado foi a desaceleração nos preços dos produtos vendidos no atacado. O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), responsável por 60% da composição do IGP-M, variou 0,22% na segunda apuração de novembro, ante a taxa de 1,2% no mesmo período do mês anterior. O destaque foi para o subgrupo alimentos processados, com queda na taxa de 2,68% para 0,54%.
O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que responde por 40% do IGP-M, ficou em 0,55%, ante a variação de 0,36%, na mesma comparação. A FGV atribui o aumento da taxa ao grupo alimentação, que tiveram reajuste de preços de 0,78%, contra 0,38%, puxado pelo item hortaliças e legumes. Os preços aumentaram 2,32%, ante a queda de 8,1% registrada na segunda prévia de outubro.
Já o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), que contribui com 10% na composição do IGP-M, variou 0,27% na segunda apuração de novembro, contra a taxa de 0,31% no mesmo período do mês anterior. A parcela relativa a Materiais, Equipamentos e Serviços recuou de 0,64% para 0,37% e a parcela que representa o custo da mão de obra variou 0,18%. Na segunda prévia de outubro, este índice não registrou variação.
Edição: Marcos Chagas
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil





You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92



Explore os canais Ouni

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Carros

Cultura
Famosos
MAXX FM
Música
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade"

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni