Inflação avança nas principais capitais do país

16 de janeiro de 2014

Economia



Inflação avança nas principais capitais do país
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2014-01-16/inflacao-avanca-nas-principais-capitais-do-pais
Jan 16th 2014, 09:10

Marli Moreira

Repórter da Agência Brasil
São Paulo - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) atingiu 0,85% na segunda prévia de janeiro, taxa que é 0,12 ponto percentual (p.p.) maior do que a variação medida na primeira prévia de janeiro (0,73%). Cinco dos oito grupos pesquisados tiveram acréscimos, com destaque para educação, leitura e recreação, que teve alta de 2,32% ante 1,03%.
A pesquisa feita pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV) mostra que a maior pressão foi constatada nos cursos formais, com os preços reajustados, em média, em 4,71% ante 1,41%.
Em despesas diversas, a taxa subiu de 0,7% para 1,18%, ainda sob influência dos cigarros que ficaram 2,35% mais caros ante uma elevação de 1,26%. No grupo alimentação, o índice teve ligeira alta, passando de 1,04% para 1,08%, puxado pelas refeições fora de casa com alta de 0,86%. Em habitação,, a taxa oscilou em 0,47% ante 0,43% e entre as principais elevações de preços nesse grupo estão os equipamentos eletrônicos (de 0,17% para 0,35).
Embora o Grupo Comunicação tenha indicado queda de 0,03%, o movimento é de retomada de aumento de preços, já que na pesquisa passada, o índice havia recuado 0,10%. Nesse caso, o que ocorreu foi uma recuperação de preços nos pacotes de telefonia fixa e internet. Em média, a cobrança por esses serviços indica queda de 0,32%, mas na primeira prévia de janeiro, custava 0,86% menos do que no fechamento de dezembro.
Dois grupos apresentaram decréscimos: transportes (de 1,16% para 1,12%) com a acomodação de preços da gasolina (de 3,2% para 2,3%) e vestuário (de 0,37% para 0,18%).
Já em saúde e cuidados pessoais, foi mantida a mesma variação da primeira prévia - 0,47%. Ao mesmo tempo em que ocorreu um aumento no valor das consultas médicas (de 0,39% para 1,34%), diminuiu o ritmo de elevação no segmento dos artigos de higiene e cuidado pessoal (de 0,4% para 0,3%).
Os cinco itens que mais contribuíram para a inflação nesse período, do último dia 7 de janeiro ao dia 15, foram: gasolina (de 3,2% para 2,3%); curso de ensino superior (de 0,96% para 4,28%); refeições em bares e restaurantes (de 0,57% para 0,68%); aluguel residencial (de 1,07% para 0,98%) e curso de ensino fundamental (de 1,7% para 5,16%).
Edição: Graça Adjuto
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias, é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/pnn/jxDP92

Espalhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário




Explore os canais Ouni

Notícias
Nacional

Internacional
Finanças
Política
Justiça
Segundo Caderno
Esportes


Educação
Inovação

Serviços
Barra de Ferramentas

Buscador
Previsão do Tempo
Tradutor
Viagens

Entretenimento
Carros

Cultura
Famosos
MAXX FM
Música
Stations (Busca Rádios)

Estilo de vida
Homem

Mulher

Chat
Amizade

Encontros
Livre
Paquera
Sexo (+ 18 anos)
Webmasters
Outras salas

Fale conosco
Atendimento Virtual
Avalie-nos
E-mail

Fone Fácil
Fórum
Reclame Aqui
Redes Sociais

Copyright 2008 - 2017 © Ouni - Todos os direitos reservados.
"O uso desse website significa que você aceita os Termos de Uso e a Política de Privacidade"

Informações Importantes | Política de Privacidade | Termos de Uso

Vá para o Ouni